4
jun

Disco novo da Nação Zumbi

  Um dos meus trabalhos favoritos na música brasileira é o da Nação Zumbi. O interessante é que eles passaram a integrar assiduamente minha “discoteca” a partir do lançamento de “Rádio S.Amb.A” (2000), justamente o primeiro álbum após a morte de Chico Science. Nada a ver com o trabalho do maior ícone do manguebeat, pelo contrário. Pra mim Science foi um dos grandes gênios da música brasileira, trouxe à luz uma mistura de linguagens e gêneros tão bem sucedida quanto inesperada.

  Hoje, 20 anos passados do lançamento de “Da lama ao Caos”, disco de estreia da banda que ajudou a redefinir o cenário musical da época, a Nação Zumbi lança seu novo álbum e mostra que continua fiel a suas origens e à boa música.

  Lançado em Abril deste ano pelo selo Slap em parceria com a Natura Musical, é o primeiro disco de inéditas após “Fome de Tudo”, de 2007, e reflete muito bem o momento do grupo, que é de novas parcerias, novas inflIuências, maturidade e reafirmação.

  Produzido por Berna Ceppas, integrante da Orquesta Imperial, e Kassin, o álbum que leva o nome da banda traz uma sonoridade um pouco mais leve, com melodias mais elaboradas e arranjos que exploram elementos como cordas e outras vozes. Tudo isso sem perder o peso da parte rítmica e das guitarras, característica sempre forte da Nação.

  O disco conta também com a participação de Marisa Monte, Lula Lira (filha de Chico Science e cantora do projeto Afrobombas, encabeçado por Jorge du Peixe) e Laya Lopes (cantora da banda O Jardim das horas).

  Durante os sete anos entre o último trabalho de estúdio e esse, a banda lançou o DVD “Ao Vivo em Recife” (2012), que traz o registro do apoteótico show no Marco Zero e também pôde se dedicar a vários projetos paralelos como o “Los Sebozos Posticos”, “Afrobombas”, “3namassa”, o disco “Mundo Livre S/A x Nação Zumbi”, além de integrar a banda de Marisa Monte no CD e DVD ao vivo “Verdade Uma Ilusão. Parcerias que, segundo a banda, foram fundamentais para oxigenar e inspirá-los para a nova empreitada.

  O disco está disponível no streaming da DEEZER http://www.deezer.com/album/7752515 , na iTunes Store e também no YouTube. Se você gosta ou não, não deixe de ouvir!

  Abraços,

  Gustavo Scarpa, baixista e vocal do ODILARA.

 

Veja também

Comentários